SERVIÇO DE INFORMAÇÃO AO CIDADÃO | OUVIDORIA
Acessibilidade:

Portal da Transparência

PREFEITURA MUNICIPAL DE ALEGRETE DO PIAUÍ

Transparência

Secretaria de Saúde de Alegrete aplicou 1.178 doses da vacina contra a Covid-19, aponta vacinômetro

Saúde - 30 de Novembro de 2021 - 14:19:09


...

O vacinômetro da Secretaria Municipal de Saúde de Alegrete do Piauí, destaca que 1.178 doses da vacina contra a Covid-19 foram aplicadas, do total de 1.185 recebidas. Os dados foram divulgados nesta segunda-feira, dia 10 de maio, às 16h.

Estão relacionados, público e sua faixa etária, bem como a quantidade de doses referente a D1 (1ª dose) e D2 (2ª dose).

D1

Referente a primeira dose, 97 foram aplicadas em profissionais de saúde; 15 doses idosos com 90 anos ou mais; 91 doses em idosos de 80 a 89 anos; 85 doses em pessoas da faixa etária de 75 a 79 anos; 99 em idosos com idades entre 70 a 74 anos; 120 doses em idosos de 65 a 69 anos.

Na faixa de idade de 60 a 64 anos, foram aplicadas 143 doses da D1. 86 doses em pessoas com deficiência permanente com idade de 60 anos ou mais.

Em agentes de segurança da Polícia Militar e Polícia Rodoviária Federal, em Alegrete, foram aplicadas 15 doses.

Um paciente com comorbidade recebeu a dose referente ainda a D1.

D2

A segunda dosagem da vacina contra a Covid-19, a D2, foi aplicada em profissionais de saúde, no total de 91. Em idosos com idade de 90 anos ou mais soma até a presente data o total de 12.

58 doses foram aplicadas em idosos com idade de 80 a 89 anos; 55 em pessoas com idade de 75 a 79 anos; 93 doses em idosos de 70 a 74 anos e 85 doses em pessoas de 65 a 69 anos.

Oito doses foram aplicadas em pessoas com idade de 60 a 64 anos; 10 doses em portadores de deficiência permanente ou com idade superior a 60 anos.

14 doses foram ministradas em agentes de segurança da Polícia Militar e Polícia Rodoviária Federal.

A secretária de saúde, Anna Carla, explica que as vacinas à medida que são liberadas para os grupos prioritários, serão aplicadas obedecendo o Plano Nacional de Imunização.

Ainda nesta segunda-feira, dia 10 de maio, foi expedido um decreto com novas medidas de enfrentamento à disseminação da Covid-19.

No decreto destaca que templos, igrejas, centros espíritas e terreiros podem funcionar com apenas 25% de sua capacidade, não podendo haver mais de uma celebração diária e nem ultrapassar mais do que duas horas de duração.

O Decreto Municipal nº 20/2021, entre os dias 10 e 15 de maio, reforça a suspensão de atividades que envolvam aglomerações, bem como descreve também que bares, restaurantes, trailers, lanchonetes, estabelecimentos e similares só poderão funcionar até as 23h, ficando proibida a realização de festas, eventos, dança ou qualquer outro tipo de atividade que gere aglomeração, seja no próprio estabelecimento ou no seu entorno.

Comércios e supermercados poderão funcionar até as 17h. Já bodegas e mercearias poderão funcionar até as 20h.

O decreto determina também a suspensão da feira livre e que das 24 horas do dia 15 de maio até as 24 horas do dia 16, ficarão suspensas todas as atividades socioeconômicas, com exceção dos serviços considerados essenciais.

Cidades na Net